Nostalgia – Alguém lembra da ONU parte 2

Por

Graças ao alto número de comentários volto a tratar do tema!

_________________________________________________

“Mas no principal, que é manter a paz e a segurança internacional, está meio difícil.” – esse comentário do Alcir elucida bem o problema. Mas vamos aprofundar um pouco.

Um dos esportes favoritos dos não-marxistas é criticar/humilhar/xingar o projeto socialista por considerá-lo utópico e etc. Mas será que uma organização com (quase) todos os países do mundo com o objetivo de manter a paz e a segurança internacional não é tão utópico quanto superar o capitalismo?

Primeiro, quem já participou de reunião de família já sabe como é difícil por 5, 7 pessoas pra discutir a respeito de um tema. Põe 182 pessoas de diferentes países e com assuntos muito mais complexos a tratar do que “o que levar pro churrasco”, isso por si só já dificulta MUITO o trabalho da ONU (e das outras Organizações Internacionais). Tudo bem que existem uma série de regras de procedimento que permitem a discussão fluir, mas mesmo assim é um grande desafio. Isso quando acordos realizados a portas fechadas por poucos membros não são empurrados ao resto da Organização.

“Nem é tão difícil assim discutir na Assembléia Geral.”


Não é bem assim Sr. Ki-Moon. Veja bem: não só os temas são polêmicos, como não existe consenso sobre a definição deles! Cada país tem um significado e valor diferentes para soberania, democracia, paz, segurança, cultura e assim vai. Ou seja, as resoluções tem que ser generalistas ao extremo para abarcar o número de votos necessário para ser aprovada, e acaba sendo algo na maioria das vezes pouco incisiva ou impactante.


Já tá muito longo e é melhor parar por aqui senão eu paro de acreditar na ONU.


Categorias: Organizações Internacionais, Polêmica


4 comments
Stanley Rossine
Stanley Rossine

A foto ficou bem sugestiva em relação ao conteúdo do texto....Abraço,Stanley

Alcir Candido
Alcir Candido

Olha só, Ivan, fazendo o pessoal ficar cético quanto a ONU!

Tereara
Tereara

Eu já parei de acreditar lendo o post anterior...valeu!abração e boa semana.

Carla Diaz
Carla Diaz

Ivan du céu,Rachei de rir em relacao ao seu comentário final: ¨Já tá muito longo e é melhor parar por aqui senão eu paro de acreditar na ONU.¨Adorei seu post é de uma ironia graciosamente ácida.