Nosso querido presidente

Por

Como nunca falei do Lula, umas palavrinhas sobre ele. E como quase tudo que escrevo é pra criticar, vou elogiar também.

Quando foi eleito, uma coisa tinha certeza “Internacionalmente ele será um lixo.” E essa idéia foi se mantendo com o tempo, principalmente graças a suas numerosas viagens luxuosas sem resultado ou acordos firmados. Sem contar que o Itamaraty continuou sem lidar com economia/comércio exterior de forma efetiva, “ainda” não conseguimos a cadeira permanente no conselho e de quebra não somos reconhecidos unanimamente como o “líder da América Latina”.

Mas pagamos a dívida com o FMI e o Itamaraty, sob a liderança do “esquerdinha da diplomacia” Celso Amorim ganhamos bastante espaço no plano internacional.

Agora hoje dá pra dizer – duvido que sem o Lula estaríamos tão bem cotados internacionalmente. 

Vamos ser sinceros, que ele é muito carismático, isso não está nem em discussão. O cidadão veio do operariado,  participou de lutas sindicais e virou o presidente mais bem avaliado da história do Brasil (ou algo assim), sem contar que toda reunião ele conta uma piada ou faz um comentário bem-humorado. Isso junto com ele ser o presidente da nação mais importante da América Latina (desculpa México, Argentina e Venezuela) faz todos o ouvirem. 

O cara foi capa da Newsweek, especial da CNN e assim vai, quase sempre bem-falado. Alguém sem capacidade alguma não conseguiria tal feito. Duvido que o Serra, bonito e simpático como só ele, chegaria a esse ponto. Eu nunca achei que diria isso, mas no internacional, hoje vejo que nenhum dos candidatos derrotados por Lula seriam tão bem sucedidos. E dos prováveis candidatos, só o Aécio tem um carisma que poderia chegar perto, afinal convenhamos, a Dilma é tão carismática quanto aquelas diretoras malvadas de escola primária.

Então o governo Lula é incrível? Nem perto disso. Apenas quero dizer que a presença do nosso presidente deve ser reconhecida. Agora de resto, não precisa nem comentar…

PS: Peço desculpas a todas as diretoras de escolas primárias, mas vocês sabem que suas companheiras de profissão não são das mais amigáveis.


Categorias: Brasil


4 comments
Bianca Fadel
Bianca Fadel

Sem dúvida o governo Lula surpreende, seja por sua peculiaridade em termos de carisma e humor seja pela atenção internacional ao redor de sua pessoa. Mas acredito que a conjuntura em que vivemos também favorece sua avaliação positiva, já que o país demonstra (devagar e sempre... e talvez independentemente da figura do presidente) condições para se afirmar no cenário internacional geral de forma cada vez mais marcante.Até mais ! =)

Alcir Candido
Alcir Candido

Comentário do diHITTescrito por MarGGaSite: http://www.mol-tagge.blogspot.com "Concordo com você. O Lula surpreendeu a gregos e troianos. O mais interessante é que, pelo menos não ficamos sabendo, não têm dado muitas gafes no exterior. (sera!? hahaha!)ABÇão e bom fim de semana.MarGGa"

Paulo Braccini
Paulo Braccini

parabéns pela sua proposta na blogsfera. trabalho rico em conteúdo e postura crítica. gostei muito e voltarei sempre. abração. blogueirobh

Mônica Araujo
Mônica Araujo

Olá,Eu estou estudando a pex do lula no primeiro governo (não muda no segundo, é só para fazer um recorte de pesquisa para o tcc)e a sensação, que é quase uma conclusão, a qual cheguei é que durante esse periodo foram otimizadas as estruturas herdadas do FHC(pelo menos no quesito pex-comex, que é o foco do meu tcc)e foram criadas algumas frentes importantes.Além disso, o governo Lula é interessantissimo para quem quer estudar outros focos de diplomacia que não a classica, para não dizer engessada, do Itamaraty (é justificável eles serem assim, afinal tem que ter um discurso que seja pelo menos coeso no que diz relação ao país que muda conforme o ministro, o Itamaraty é realmente um mundo a parte). O que eu pude entender é que há outras frentes diplomáticas e políticas que podem ser eficientes quando se trata dos interesses de política externa, um exemplo é o próprio Lula, naquilo que chamam de diplomacia presidencial.um abraço a todos!