Há um ano...

Por

Fonte: uct-fetranspor.com.br


Estávamos em tempos de eleição também. Na França, Sarkozy apresentava índices históricos de insatisfação popular. Nos Estados Unidos, Obama travava uma intensa batalha na disputa por votos com o republicano Mitt Romney. Como já era esperado e fora descrito naquele texto, Francois Holland tornou-se o novo presidente francês e o já conhecido Obama manteve seu posto.

Atualmente, os pleitos ocorrem no Paraguai e na Itália. No primeiro país, busca-se pragmatizar o diálogo democrático para que o mesmo volte a ocupar sua cadeira tanto no Mercosul quanto na Unasul, haja vista que os paraguaios foram expulsos após a polêmica saída do então presidente Lugo. Já na Itália, Giorgio Napolitano, de 87 anos, tornou-se o novo presidente após polêmicas parciais e recontagens sucessivas de votos. Muitos problemas internos para um mandato de sete anos de uma pessoa em idade já avançada…é isso que dizem os especialistas e, claro, os céticos opositores. 

Voltando ao assunto, o Luís Felipe escreveu um post um tanto quanto interessante, o qual se remetia, também, às eleições norte-americanas. Foi em “Esconda seu cachorro” que soubemos da estratégia republicana em acusar Obama de “comedor de cachorros” divulgando um vídeo no qual ele diz ter experimentado a iguaria na Indonésia ainda quando era criança (de 6 a 10 anos). Hilário… 

No dia 22 de Abril de 2012, a Bianca finalizava a excelente série sobre a Guerra da Bósnia. Vale a pena ler na íntegra! Além, é claro, dos textos da nossa coluna “Conversando com a Teoria” que foram escritos naquele período. 

Finalmente, não poderíamos deixar de comentar o texto do Álvaro sobre a conturbada relação entre Sudão e Sudão do Sul. A polêmica de um ano atrás continua, mas o país ao sul voltou a exportar o petróleo depois de 15 meses de paralisação. Para países ditos ricos ou pobres, as divergências econômicas ficam de lado quando o assunto é o ouro negro. 

Até semana que vem com mais lembranças da Página Internacional!


Categorias: Há um ano...